Ambiente de desenvolvimento Python 3 no Jessie

dom 17 maio 2015

Eu já tinha escrito sobre isso, mas o jeito que eu tinha criado o ambiente de desenvolvimento na minha máquina era muito trabalhoso e as versões atuais do Python (estou escrevendo em maio de 2015) tornaram a vida mais fácil.

1) Veja que versão de Python você tem instalada.
    Se for a versão 3.4 ou superior, está tudo certo.
    Se não for, instale o pacote python3.
         Digite: sudo apt-get install python3

2) Instale o pip do Python 3:
     sudo apt-get install python3-pip

3) Utilize o comando pip3 (e não pip) para instalar o virtualenv:
    Digite: sudo pip3 install virtualenv
    Repare no sudo! Queremos o virtualenv instalado para o computador como um todo e não só para nosso projeto, então temos que ter permissões para mexer na configuração geral do Python.

4) No diretório do seu projeto, crie o ambiente virtual (virtualenv):
     Digite: virtualenv env
     Chamei o diretório de env, então sua pasta ficaria algo assim:
                /qqcoisa/seuprojeto/env

5) Ative o seu ambiente virtual:
     Digite: . env/bin/activate
     Repare o ponto (.) e o espaço. Eles são importantes! Você pode trocar o ponto por source para ficar mais claro, se quiser.
     (Alternativa): source env/bin/activate
     Estou assumindo que você está na pasta do seu projeto, que chamei antes de /qqcoisa/seuprojeto/.

6) Pronto! Agora você já pode instalar módulos de python. Estou usando Python 3, então usarei também o pip3. Faço assim:
     Digite: pip3 install ipython
     Esse ipython é o primeiro módulo que gosto de instalar. Ele deixa o console do python mais amigável. Aí, ao invés de rodar "python" para iniciar a console, uso "ipython". Teste aí!

Abraços,
Otávio

python /

Comentários